24/08/2015

Resenha: Batom líquido matte da Vult



Eu sei que estou beeeem atrasada com essa resenha, mas ainda acho que é melhor fazê-la atrasada ao invés de deixar de lado. Ceeeerto? Então vamos que vamos!!

De acordo com a Vult, esse batom líquido alia a “praticidade do gloss com a sofisticação do efeito matte”, garantindo uma textura confortável nos lábios.

Bom, confortável ele é, e muito! Tanto que nem parece que estou com batom líquido matte na boca. Ele não resseca, não esfarela e não mancha.

Eu não tenho todas as cores porque haja boca para tanto batom né? Mas as duas que comprei representam muito bem o produto.


Não foi proposital, mas sem querer acabei com um tom nudezinho e um roxo bárbaro! Eu ainda queria o vinho poderoso, mas como não consegui comprar, vai ficar para uma próxima....

O nude, cor 01, é o mais claro da cartela e puxa para o rosadinho. Em mim ele não ficou tão apagado, mas isso vai depender muito do tom de pele e até da cor dos lábios de quem vai usar.


Eu comparei ele com os nudes mais próximos que tenho em mãos e achei que ele é até meio parecido com o batom Passando Blush para TBlogs, enquanto que os demais acabam puxando levemente para o coral.

Da esquerda para direita: cor 01 (Vult) – cor 25 (Vult) – Minimalism (NYX) – Requinte Mate (Contém 1g) – Passando Blush (TBlogs)

Já o roxinho, cor 04, é muito lindo!, ele não é um roxo puro como o Heroíne da MAC, já que tem um leve fundo rosado, mas nem por isso deixa de ser um roxinho escândalo!


Dentre os batons que eu selecionei para essa comparação, o Uvali da Quem disse Berenice? é o mais próximo. Os demais ou são um pouco mais claros (Fabi Santina para TBlogs e Roxuva da QDB), ou mais puxado para o vinho (Looosho da Marina Smith by 2beauty) ou mais azulado (Trendy Twins para TBlogs).

Como eu não tenho o Heroíne da MAC, não tenho como comparar. Mas, considerando que o Trendy Twins seja um bom dupe dele, o da Vult não chega nem perto do roxo sensação da MAC.

Da esquerda para direita: cor 04 (Vult) – Fabi Santina (TBlogs) – Uvali (Quem disse Berenice?) – Roxuva (Quem disse Berenice?) – Looosho (Marina Smith by 2beauty) – Trendy Twins (TBlogs)

O que diz respeito a textura, o batom líquido da Vult é mais cremoso, tem uma ótima cobertura e não fica manchado. Mas, como tudo na vida tem um porém, ele demora um pouco mais para secar, se comparado aos batons líquidos da Dailus, por exemplo, e não fica com a aparência 100% matte. Ele fica sim sequinho, mas não é igual ao da Dailus, o que, para mim, é maravilhoso.

Então, você!, que compartilha da minha aflição em sentir seus lábios suuuuper secos e com farelinhos do batom líquido, esse é o seu produto! Rsrsrsrs.

Brincadeiras à parte, ele é bastante confortável e tem uma duração bem ok. No último teste que fiz, passei o roxo pela manhã, e fiquei até o horário do almoço com ele intacto. Passado o almoço, ainda que tenha saído a maior parte do batom, ainda restou um pouco de cor nos lábios, já que esse pigmento tende a “manchar” a pele, só saindo por completo com demaquilante.

Com relação ao cheiro, ele é meio adocicado mas, na minha opinião, nada enjoativo. Além disso, você só vai sentir enquanto aplica o batom, porque depois o cheiro some.

Ao todo, a Vult lançou 8 cores do batom líquido matte. A embalagem do batom é igual à do gloss (mais comprida e fina, se comparada às outras embalagens de batom líquido) e custa em torno de R$20 a R$25,00. Se você quiser ver a resenha e os swatches das outras cores, dá uma olhadinha nos blogs Pausa para Feminices (aqui e aqui), e Mania Vaidosa (aqui).




2 comentários:

  1. Eu gosto quando fica com a aparência super matte
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então Carol, acho que os Dailus e Quem disse Berenice? são os melhores para você.
      Logo logo vou postar a resenha do batom da QDB e você vê o que acha.
      Bjs

      Excluir